Chevrolet Astra - 1995-2006

  1. Home
  2. Bolso
  3. Chevrolet Astra - 1995-2006
Alexandre Ramos
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- No Brasil existem duas gerações do Astra que podem ser encontradas, ambas pertencentes a segmentos muito distintos. Em 1995 a GM trouxe da Bélgica o Astra GLS de quatro portas, sempre equipado com motor de quatro cilindros, 2 litros de cilindrada, a gasolina, numa versão que era feita especialmente para o mercado brasileiro. Na Europa, o GLS chegava apenas até o motor de 1,8 litro. Essa versão para o mercado nacional contava com airbag e ar-condicionado como principais opcionais. A curiosidade fica por conta do Astra Wagon, a versão perua do Astra, que apresentava as mesmas configurações básicas do hatch. Hoje a falta de peças – que ainda por cima são caras quando encontradas, especialmente as exclusivas do modelo – tem sido um dos principais fatores de depreciação desse modelo.

No final de 1998 a GM lançaria o Astra nacional, que foi apresentado apenas com carroceria hatch de duas portas, nas versões GL motor de 1,8 litro e 110 cv e GLS 2-litros de 112 cv e 2-litros 16V com 128 cv. Um dos destaques do novo modelo, além da grande lista de itens de série e opcionais, estava na direção eletroidráulica, exclusiva da GLS, que a equipou até o ano de 2001. A versão GL, por sua vez, era tão pobre que nem mesmo conta-giros e calotas integrais tinha.

No início de 1999 a GM lança o Astra Sedan, com quatro portas, maior capacidade do porta-malas 430 litros contra 370 litros do hatch e mesmas versões e motorizações. Para 2000 a maior novidade é o surgimento da versão Sport, sem contar as várias séries especiais, como a 500 em homenagem ao descobrimento do Brasil, baseada na versão sedã com motor 2-litros 16V e com muitos equipamentos, incluindo revestimento em couro de duas tonalidades, Advantage Sedan 2.0 16V, Millenium baseada no Sedan GL 1.8 e Expression Sedan 2.0 8V. O Sunny, por sua vez, foi baseado no hatch 2.0 8V.

Em 2001 o GL passa finalmente a ter conta-giros e calotas integrais de série e todas as versões recebem repetidores de pisca nas laterais sobre o pára-lama dianteiro. Para 2002 a GM substituiu o GLS pelo chamado pacote CD; o motor 1.8 a gasolina sai de linha e permanece em fabricação apenas a versão a álcool, em série voltada a frotistas. Além disso, o câmbio automático passa a ser opcional para a motorização de 2 litros e as rodas de aro 15 passam a ser disponíveis para a linha.

Em 2003 o Astra passa pela primeira reestilização mais séria, ganhando nova frente, novo desenho para a tampa do porta-malas, forrações, surgimento da versão esportiva, a GSi, equipada com motor 2.0 16V de 136 cv – o que a tornava “esportiva só no nome”, pois, fora as alterações de acabamento, em mecânica ela era idêntica às demais.

Para 2004 surge o motor Flex de 2 litros, além de novas nomenclaturas das versões, que passam a ser Comfort, Elegance, Elite e GSi. Em agosto de 2004 é a vez do motor Multipower, que funciona com álcool, gás ou gasolina.

Para 2005 a linha passa a contar com a versão Advantage, que é disponível apenas como hatch de duas portas. O motor 2.0 16V, que equipava a versão GSi, se despede do mercado. E para 2006 surge a nova versão esportiva SS, novamente com mais nome do que desempenho, além da versão Advantage com carroceria hatch de quatro portas e Sedan.O Astra é um carro de poucos defeitos, mas sempre é necessário um pouco de cuidado na compra de um usado, como é necessário para qualquer modelo. Nas unidades fabricadas nos dois primeiros anos, problemas nas fechaduras das portas e do porta-malas são comuns e elas deixam de funcionar; da mesma forma, a tampa do porta-luvas é frágil e sujeita a quebras. Atente para vazamentos de óleo na junta da tampa de válvulas dos motores de 2 litros 16V.

Nas versões GLS fabricadas até 2001, a direção eletroidráulica também é fonte de problemas. Cuidado também com os coxins e trilhos dos bancos dianteiros, que em algumas unidades apresentam folgas indesejáveis. Bom notar também que alguns Astra, mesmo equipados com motor de 1,8 litro, apresentam consumo inexplicavelmente alto. Finalmente, na hora de andar com o veículo, procure notar se o câmbio apresenta engates precisos, pois há uma certa ocorrência de problemas no trambulador de alguns carros. Boa sorte!

Confira as opções de Astra anunciados no WebMotors
_______________________________
E-mail: Comente esta matéria

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors