Ford apresenta novo EcoSport

Se ele falasse, diria: "Eu posso jogar com os grandões"

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Ford apresenta novo EcoSport
Adriana Bernardino
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Versão 2011 do EcoSport buscou inspiração no Land Rover
Guia de Compra: como escolher bem um Ford EcoSport
Mecânicos avaliam Ford EcoSport

de Brasília – Era uma vez um rei que comandava feliz e tranquilo o mundo encantado dos utilitários esportivos no Brasil, o EcoSport. Isso até o dia 4 de outubro de 2011, quando o Renault Duster, crônica de uma ameaça anunciada desde 2009, se realizou. Quinze dias após seu lançamento, o francês chegou a vender 40% mais que o então líder de mercado. A Ford, porém, não pretende deixar barato. O protótipo de sua arma, o novo EcoSport, foi exibido à imprensa hoje, em Brasília, simultaneamente à apresentação do modelo no Salão de Nova Déli. Os mercados emergentes e globais Brasil e Índia são os alvos do EcoSport.

Axé baiano

Mais novo integrante da família One Ford, o esportivo compacto da nova geração tem a plataforma do New Fiesta e será o primeiro carro global de passageiros desenvolvido na América do Sul, na fábrica de Camaçari-Bahia. Com investimento de US$ 3 bilhões em suas operações na região entre 2011 a 2015, o novo EcoSport será produzido também na Índia, Tailândia e outros países ainda não divulgados pela marca, que espera vendê-lo em cerca de 100 mercados em todo o mundo. O governador da Bahia, Jaques Wagner, presente na ocasião diz estar confiante no sucesso global do carro. “Ele tem o axé baiano”.

Depois do susto dado por seu arqui-inimigo Renault Duster, que conquistou o brasileiro pelo visual diferenciado, o novo EcoSport ousou no design, sempre dentro da linguagem Kinetic da marcar.

Embora a Ford não quisesse abrir mão das características que destacaram o EcoSport no Brasil e na América do Sul, pouco sobrou da cara da geração anterior. É possível que o novo desenho – chamado pela marca de “contemporâneo” e, ao mesmo tempo, “à frente do seu tempo” – cause no consumidor reações que serão oito ou oitenta, em especial pela enorme grade dianteira. Para o vice-presidente de Design e chefe de criação da Ford, J Mays, é como se o modelo dissesse: “eu posso jogar com os grandões”.

A ideia, em tempo de sustentabilidade, é que o modelo não fique apenas na beleza exterior. As linhas do carro foram esculpidas em túnel de vento para aumentar a economia de combustível, ponto fraco da geração atual. Consumo, motorização e preço não foram divulgados pela Ford.

A primeira geração do Ford EcoSport foi lançada em 2003 e teve mais de 700 mil unidades produzidas. Para Camaçari, a expectativa é elevar as atuais 250 mil unidades para 300 mil. Além do EcoSport, a marca promete ainda para este ano um terceiro veículo global, provavelmente o novo Ka.

Veja ofertas do Ford EcoSport na WebMotors
Saiba até 5 preços de seguro do EcoSport em uma única cotação
Simule o financiamento de um Ford EcoSport

A jornalista foi a Brasília a convite da Ford.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors