Mercedes-Benz apresenta no Brasil o novo Classe E

Novo sedã médio-grande custará R$ 269,9 mil na versão E 350 e R$ 375 mil na versão E 500
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Mercedes-Benz apresenta no Brasil o novo Classe E
Rodrigo Samy
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Angra dos Reis, RJ - O WebMotors foi ao Rio de Janeiro conhecer de perto como anda o novo Mercedes-Benz Classe E 350. Equipado com motor V6 com quatro válvulas por cilindro, o sedã mais famoso da marca oferece 272 cv de potência máxima a 6.000 rpm e um torque máximo de 350 Nm. O carro será vendido no Brasil, inicialmente, em duas versões, a E 350, por R$ 269,9 mil, e a E 500, por R$ 375 mil. Segundo a marca alemã, o carro movido a gasolina acelera de 0 a 100 km/h em 6,4s e atinge a velocidade máxima de 250 km/h, controlada eletronicamente.

O Classe E chega com um desenho no conjunto óptico inovador, que talvez até cause polêmica. Ele não é mais redondo nem retangular: está em forma de losango. Visualmente, é um pouco estranho, mas é fácil de acostumar.

Outra novidade é a tecnologia BlueEFFICIENCY que faz o carro registrar um consumo médio de 10,3 km/l. Outro ponto considerável já registrado pelo WebMotors é o seu coeficiente de resistência aerodinâmica de 0,25. Este número faz do carro um dos sedãs de melhor aerodinâmica do mundo. Uma das medidas para elevar a aerodinâmica foi a adoção das entradas de ar do ventilador automaticamente ajustáveis, controlando o fluxo de ar para o compartimento do motor conforme a necessidade de resfriamento deste componente.

Outras medidas do BlueEFFICIENCY incluem pneus com até 17% menos resistência à rolagem, controle de economia de energia para o alternador, bomba de combustível, compressor do ar condicionado e direção hidráulica.

A transmissão de sete velocidades, com o sistema 7G-Tronic, pode ser comandada por meio de alavanca aplicada à coluna de direção ou pelas teclas atrás do volante. Durante o trajeto entre as cidades do Rio de Janeiro e Angra dos Reis, pôde-se notar que as respostas são rápidas e que o câmbio conversa bem com o motor. Com a seleção totalmente automática o usuário tem a opção de escolher entre a tocada "Comfort" ou “Sport”.

Sem cochilar no volante

Um copo de café digital fica presente no instrumento central. Ele detecta a sonolência do motorista com base em 70 parâmetros. Esse novo sistema foi batizado pela marca de “Attention Assist”.

Outro trunfo do Classe E é a suspensão com amortecedores adaptáveis. Eles automaticamente se adaptam à situação de direção de cada momento, reduzindo as forças de amortecimento em relação à direção normal. Durante o percurso, o WebMotors passou por um ondulação, ocasionada por uma ponte, e o carro se demonstrou firme. Aquela sensação de mola sobe e desce que ocorre com os automóveis convencionais não ocorreu. Houve apenas o primeiro solavanco.

Para o Brasil, o Classe E estará disponível em duas motorizações, uma versão de acabamento mais esportivo e doze opções de pintura externa. Os equipamentos de série do Mercedes-Benz Classe E 350 são: rodas de liga leve de aro 17”, sistema de entretenimento com um receptor duplo, toca-CD, oito alto-falantes, comando de voz em inglês e interface Bluetooth para telefone celular. O display colorido de 7,5” no centro do painel pode ser controlado pelo controle no console central.

Rodrigo Samy viajou ao Rio de Janeiro a convite da Mercedes-Benz do Brasil; texto atualizado às 10h45 do dia 18-06-09.


Siga a gente no Twitter! Novidades, segredos e muito mais: www.twitter.com/WebMotors

Gosta de sedãs de luxo?

Então veja as melhores ofertas para este segmento no WebMotors:

Mercedes-Benz E 350

Mercedes-Benz E 500

Volvo S80

Lexus LS 400

Audi A6

BMW 530i

BMW 550i

Leia também:

Devon GTX, com base do Viper, será apresentado em Pebble Beach

BMW Z4 chega ao Brasil a partir de R$ 217 mil

MINI Cabrio chega ao país em setembro por R$ 134,9 mil

Platinuss se torna a importadora oficial da Spyker no Brasil

Ariel Atom 500 V8 terá motor V8 feito sob medida

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors