EcoSport e Ka são retirados do site da Ford

Modelos deixaram de ser fabricados em janeiro, quando montadora anunciou o fim da produção de carros no Brasil

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. EcoSport e Ka são retirados do site da Ford
Antônio Leria
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Três meses depois de anunciar o fim da produção de veículos no Brasil, a Ford tirou de seu portfólio na internet os carros que eram fabricados por aqui: EcoSport, Ka hatch e Ka sedã. Desde o início deste mês, os modelos não aparecem mais como opção no site da marca norte-americana. Com isso, a partir de agora, há apenas modelos importados da Ford à disposição dos consumidores.

Ford EcoSport Titanium preto ambientado em cenário natural com árvores verdes ao fundo
Ford EcoSport não aparece mais no site oficial da Ford desde o início do mês
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

A retirada da EcoSport e do Ka (hatch e sedã) do site já era esperada. Só era aguardado a redução dos estoques desses carros nas concessionárias da marca. E a revenda estimava em justamente três meses o período para isso ocorrer, o que foi impulsionado por várias ofertas ao longo do primeiro trimestre.

Mas, no site de ofertas da Ford ainda é possível encontrar os modelos, o que indica que ainda pode haver algumas unidades. Na página há o indicativo de oferta válida até 4 de maio, sem no entanto haver o valor para os três modelos - informação que é apresentado para outros carros, como Territory e Ranger.

Ranger Black 4268
Ford Ranger é um dos quatro modelos que permanece no portfólio da Ford, agora só de importados
Crédito: Divulgação

Atualmente a marca norte-americana tem em seu portfólio quatro modelos, os SUVs Edge e Territory, o esportivo Mustang e a picape Ranger- que no final do mês passado teve o lançamento da versão Black. Em breve, devem se juntar a esses modelos o Bronco Sport, o Mustang Mach 1 e a van Transit. E um pouco mais para frente, possivelmente no fim deste ano ou início de 2022, a picape Maverick. Assim, a marca segue a estratégia de focar em modelos de maior valor agregado como SUVs, picapes e eletrificados.

Comentários