Ford apresenta oficialmente o novo Mustang Mach 1

Versão limitada ressuscita e ganha mais uma edição, prevista para chegar ao mercado em 2021. Saiba tudo sobre ela

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Ford apresenta oficialmente o novo Mustang Mach 1
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Ford já planejava há meses relançar mais uma versão limitada do Mustang Mach 1, como havíamos antecipado. Agora, finalmente, os planos saíram do papel: a marca apresentou as primeiras imagens oficiais da nova geração do estiloso Mach 1, como podemos ver nas fotos desta nota.

O Mustang Mach 1 voltará ao mercado somente em 2021 e tem chances de ser importado para o Brasil - hoje, o esportivo é vendido em versão única por aqui. O carro não utilizava esta alcunha desde 2004, quando ficou dois anos em linha (2003 e 2004) e também fez uma homenagem ao sobrenome utilizado pelo modelo no final dos anos 1960.

Mustang Mach 1 Na Pista
Mustang Mach 1 chega ao mercado em 2021 e também poderá vir ao Brasil
Crédito: Divulgação

História: Mustang Mach 1

O que é Mach 1? Bom, o sobrenome da edição especial é uma referência à velocidade do som. Ela apareceu pela primeira vez em 1969 e ficou famosa por unir um bom comportamento dinâmico à uma dirigibilidade afiada e ainda ser mais barata que as versões Shelby e Boss. Visualmente, o Mustang Mach 1 se diferenciava no design pelas faixas laterais e pelo capô preto com tomada de ar.

Ele apareceu novamente em outras gerações: em 1971, ganhou suspensão de competição e motores mais potentes; em 1974, devido à crise do petróleo, virou hatch e recebeu rodas diferenciadas; e em 2003-2004, quando se tornou uma versão limitada de 6.500 unidades com preparação especial. Agora, ressurge com grafismo que remete ao de 1969, com entradas de ar redondas, mas fora do capô.

 Mustang Mach 1 tem design inspirado no clássico modelo do fim dos anos 1960
Legenda: Mustang Mach 1 tem design inspirado no clássico modelo do fim dos anos 1960
Crédito: Divulgação

Motor V8

O motor do novo Mustang Mach 1 será um V8 5.0 de 486 cv, a mesma configuração utilizada pelo Mustang Bullitt, mas a caixa de câmbio escolhida será a mesma das versões tradicionais do carro: uma automática de 10 marchas, diferente do Tremec manual de seis velocidades utilizado pelo modelo verde dos filmes. A suspensão também será modificada, mas a Ford não disse como.

A empresa, a propósito, enxerga o Mach 1 como uma "ponte" entre a versão GT (vendida no Brasil) e os modelos da divisão especial Shelby, que têm motor mais forte e mais agilidade.

Por isso, ele é, visualmente, diferente das versões GT e das que utilizam o sobrenome Shelby. O Mustang Mach 1 tem frente própria, rodas com desenho clássico e, opcionalmente, oferece asa traseira, freios da grife Brembo com pinças laranjas e emblemas e faixas de outras cores.

Por dentro, em relação ao Mustang que conhecemos, há uma nova tela inicial no painel de instrumentos, soleiras das portas com placas de identificação que incluem a numeração do chassis e alavanca de câmbio exclusiva. Os preços e quantidade de carros que serão produzidos ainda são informações misteriosas: a Ford disse apenas que o Mach 1 será "relativamente limitado".

Mustang Mach 1 Interior
Cabine do Mustang Mach 1 tem exclusividades, como as soleiras, o cluster e a alavanca de câmbio
Crédito: Divulgação

Comentários