Veja cinco carros comuns que têm versão elétrica

Fizemos uma lista com modelos conhecidos no mercado brasileiro que já oferecem configuração sem motor a combustão

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Veja cinco carros comuns que têm versão elétrica
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Carro elétrico já é realidade no Brasil, embora ainda em fase inicial. Só que enquanto muitas marcas ainda investem e apresentam novidades nesse segmento, outras carregam em seu portfólio modelos que já são comuns para nós, mas que podem ser movidos por este tipo de energia alternativa. Existem, portanto, alguns carros já conhecidos com versão elétrica.

Falamos, por exemplo, de modelos como o Fiat 500e. O subcompacto é conhecido e foi vendido em nosso país desde o começo da década, mas agora, a partir de agosto, virá para cá somente em variante totalmente elétrica. Com o pequenino como gancho, vamos relembrar outros quatro carros comuns que também têm esse tipo de versão sustentável. Lembrou de algum outro? Deixe no campo de comentários!

Carros comuns com versão elétrica

Afinal, quais são esses modelos conhecidos pelo público brasileiro? Vamos a eles:

1. Fiat 500e

Quem abre nossa lista é o já citado Fiat 500e, versão eletrificada do carrinho fabricado no México. Será o primeiro carro elétrico da marca no Brasil, com previsão de chegada em agosto deste ano.

O desenho não muda tanto em relação ao carro, que trocou de geração no ano passado (e teve poucas alterações estéticas, justamente para manter o aspecto "retrô"). Por baixo, tem um motor de 118 cv e acelera de 0 a 100 km/h em 9 segundos, com velocidade máxima de 150 km/h – que é limitada eletronicamente. Segundo a Fiat, o conjunto de baterias rende 320 km de autonomia.

Fiat 500 Elétrico de frente na cor grafite em estúdio tem apenas o número 500 no que seria a grade dianteira
Veja como é o novo Fiat 500 elétrico, que virá para o Brasil
Crédito: Divulgação

2. JAC iEV20 (J2)

A chinesa JAC Motors é outra marca com um modelo para nossa lista de carros comuns com versão elétrica. Falamos do iEV20, a versão sustentável do pequenino J2 - um subcompacto que custava menos de R$ 30 mil por aqui em 2012, quando chegou ao Brasil, e deixou de ser vendido no país em 2017. O preço do elétrico - que chegou em 2019 - é, atualmente, de R$ 159.900.

O iEV20, por sua vez, tem lista bacana de equipamentos; e um pequeno motor de 68 cv e 21,9 kgf.m de torque - comandados por uma bateria de 41 kwh e câmbio do tipo CVT. Resultado: 300 quilômetros de autonomia, que pode chegar a 400 km no modo Low, o mais sustentável - e que também trava o carro na velocidade máxima de 60 km/h (somente para uso urbano, portanto).

JAC iEV20 dendo recarregado
JAC iEV20 é um dos carros elétricos mais baratos do Brasil e pode ser recarregado em tomada 220V
Crédito: André Deliberato/WM1

3. Renault Kangoo Z.E.

Até o furgão Kangoo, veículo de cargas e multiuso da Renault, tem uma versão elétrica, chamada Kangoo Z.E. (de "Zero Emission"). Essa configuração não foi vendida oficialmente no Brasil, pelo menos não ao público convencional: a empresa chegou a emplacar algumas unidades em acordos com determinadas companhias - hoje é possível encontrar alguns carros nas mãos de locadoras, por exemplo.

O Kangoo Z.E. tem motor elétrico de 60 cv e baterias de íons de lítio com autonomia de até 170 quilômetros. A capacidade de carga é de 650 kg e o modelo ainda consegue chegar a 130 km/h de velocidade máxima.

Renault Kangoo Z.e.
Renault Kangoo Z.E. é um dos carros da linha "Zero Emission" da marca francesa
Crédito: Divulgação

4. Chery Arrizo 5

Outro carro que tem versão elétrica é o sedã Arrizo 5, do grupo Caoa Chery. Vendido no Brasil em configurações tradicionais com motor a combustão (a partir de R$ 90.490), o modelo também oferece a possibilidade de rodar sem gastar combustível fóssil, nem poluir.

O Arrizo 5e, como é chamado, começou a ser vendido em 2019 para frotistas e locadoras, uma vez que a rede de concessionárias ainda precisava se adaptar para recebê-lo. Ele tem motor elétrico que rende o equivalente a 122 cv e 28,1 kgf.m de torque (a versão nacional, a combustão, leva sob o capô um 1.5 turboflex de até 150 cv e 19,4 kgf.m) e sua autonomia é de 322 quilômetros.

Arrizo 5e é mais divertido que o turboflex - modelo começou a ser vendido em 2019
Crédito: Divulgação

5. Peugeot 208 e-GT

Uma das últimas novidades nesse segmento de carros elétricos é o Peugeot 208 e-GT, que começa a ser importado em breve - embora a pré-venda de sua versão eletrificada já tenha começado. A configuração 100% sustentável será justamente a mais esportiva.

Com visual mais arrojado e motor elétrico de 136 cv de potência e 26,7 kgf.m de torque, o Peugeot 208 elétrico acelera de 0 a 100 km/h em 8,1 segundos e tem autonomia na casa dos 320 quilômetros. Preço? Ainda não existe. Segundo a empresa, o modelo poderá ser "adquirido" por meio de uma assinatura mensal, com possibilidade de compra ou troca ao final do contrato.

Peugeot 208 e-GT: elétrico, sustentável... e esportivo!
Crédito: Fernando Miragaya/WM1
Comentários