Novo Tracker vai custar a partir de R$ 82 mil

SUV compacto da Chevrolet será lançado no próximo dia 21 de março com cinco versões, além da configuração PcD

  1. Home
  2. Segredos
  3. Novo Tracker vai custar a partir de R$ 82 mil
Fabio Perrotta Junior
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O novo Tracker não vai ser tão barato quanto se imaginava, nem tão caro como alguns de seus rivais. A terceira geração do SUV da Chevrolet chega no próximo dia 21 de março com preços a partir de R$ 82 mil - com exceção da versão para PcD, que, conforme WM1 já noticiou, custará R$ 69.990 - R$ 63 mil com descontos.

Segundo fontes na rede de concessionárias, serão ao todo cinco versões, além da de venda especial. A de entrada, de R$ 82 mil, é a 1.0 Turbo com o motor três-cilindros de 116 do Onix e com câmbio manual de SEIS marchas. A seguinte é a LT, com o mesmo propulsor, mas transmissão automática de seis velocidades, por R$ 89.900.

icon photo
Legenda: Novo Tracker tem sido flagrado já sem camuflagem. Modelo usará dois tipos de motores turbinados
Crédito: Rodrigo Ferreira/WM1

A versão que estreará o motor de aguardados 133 cv de potência será a 1.2 Turbo, por R$ 90.500. Esse motor acompanhará sempre a caixa automática, tanto na versão LT 1.2, com preço de R$ 99.900, como na Premier 1.2, que sairá por R$ 112 mil. WM1, inclusive, adiantou que a topo de linha Premier com pintura metálica custará R$ 113.600.

Desta forma, o novo Tracker não pega tanto a base do mercado (Caoa Chery Tiggo2, Ford EcoSport, Nissan Kicks e o novo Renault Duster) e fica pouco mais caro que o Hyundai Creta de entrada. Será mais barato que o Volkswagen T-Cross básico e bem mais em conta que o Honda HR-V inicial.

icon photo
Legenda: Novo Tracker não brigará tão na base do mercado, mas será mais barato que T-Cross e HR-V
Crédito: Rodrigo Ferreira/WM1
Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors