O que esperar do novo Corolla: Preços

Sedã médio da Toyota sofrerá reajuste em relação a geração atual e os preços devem variar entre R$ 100 mil e R$ 140 mil

  1. Home
  2. Segredos
  3. O que esperar do novo Corolla: Preços
Fabio Perrotta Junior
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Preço. Eis aqui o maior ponto de interrogação em relação ao lançamento da nova geração do Corolla. Não há qualquer indício de quanto o novo sedã custará. Nem mesmo em pesquisas feitas com concessionárias foi possível arrancar algo. Os preços só serão revelados oficialmente no lançamento, dias 3 e 4, mas nós, do WM1, fizemos um exercício de futurologia.

Conhecido por custar mais caro que a concorrência e mesmo assim vender bem, é possível que essa nova geração do Corolla comece acima da versão mais básica do Honda Civic, seu maior concorrente. Esperamos que a versão GLi, considerada a de entrada no Corolla, custe o famoso "a partir de" R$ 99.990.

OFERTAS WEBMOTORS

icon photo
Legenda: Toyota Corolla 2020 será o maior lançamento do mês - e possivelmente do ano
Crédito: Divulgação

Logo depois da GLi, há a XEi. Para esta versão, apostamos em algo em torno de R$ 10 mil de diferença para a versão mais básica (ou seja: por volta de R$ 110 mil). Ela vai acrescentar alguns itens de estética e funcionalidades a mais na central multimídia e no acabamento interno.

Ao que tudo indica, o Corolla terá três versões topo de linha Altis. A primeira delas vem acima da XEi e usa o motor 2.0 flex aspirado com injeção direta e indireta de combustível, sempre acoplado ao câmbio CVT de 10 marchas simuladas. O preço ficará entre R$ 120 mil e R$ 125 mil.

icon photo
Legenda: Novo Corolla 2020 será lançado no próximo dia 3 de setembro
Crédito: Divulgação

E agora chegam as tão aguardadas versões híbridas. Serão duas, também com o nome Altis. Terão o mesmo conjunto utilizado no Prius, que combina um motor 1.8 flex com um elétrico. Juntos, têm 122 cv e cerca de 17 kgfm de torque. Se não impressiona pelos números no fator desempenho, as versões mais caras do Corolla devem fazer dele um dos carros mais econômicos do Brasil, atingindo médias acima de 20 km/l em ambiente urbano. 

CATÁLOGO 0km

Essas variantes híbridas deverão custar entre R$ 130 mil e R$ 140 mil. O modelo mais caro da linha terá como exclusividade o teto-solar e também equipamentos de condução semi-autônoma do Toyota Safety Sense, como frenagem automática de emergência, alerta de mudança de faixa, controle de cruzeiro adaptativo, entre outros.

VEJA MAIS

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors