Jaguar Land Rover só híbridos e elétricos em 2020

Marcas britânicas se antecipam ao fim dos automóveis movidos a combustão já anunciado em alguns países europeus

  1. Home
  2. Tecnologia
  3. Jaguar Land Rover só híbridos e elétricos em 2020
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Além de apresentar um volante chamado Sayer, pensado para personalizar o uso de automóveis autônomos compartilhados daqui a cerca de 40 anos, a Jaguar Land Rover anunciou durante a Tech Fest, evento de tecnologia realizado em Londres (Inglaterra), que a partir de 2020 todos os modelos que vai produzir serão híbridos ou totalmente elétricos.

icon photo
Legenda: jaguar-i-pace-concept-front-three-quarter-in-motion-06-172
Crédito: jaguar-i-pace-concept-front-three-quarter-in-motion-06-172

A decisão segue o mesmo caminho adotado recentemente pela Volvo, que decidiu abraçar essas tecnologias com exclusividade antes disso, já em 2019. Aston Martin e Maserati, marcas com identidade esportiva como a Jaguar, adotaram estratégia semelhante.

Essas e outras montadoras estão se movimentando para atender às restrições cada vez mais rígidas para emissões de poluentes, principalmente na Europa - onde países como o Reino Unido anunciaram recentemente um prazo para proibir a venda de automóveis a combustão, nesse caso em 2040.

icon photo
Legenda: jaguar-i-pace-concept-rear-three-quarter-in-motion-04-182
Crédito: jaguar-i-pace-concept-rear-three-quarter-in-motion-04-182

O primeiro passo rumo à eletrificação total do grupo Jaguar Land Rover vem da Jaguar, que vai lançar em 2018 o I-Pace (fotos acima e abaixo), SUV totalmente elétrico cujo protótipo já foi flagrado rodando em testes e sem camuflagem nas ruas de Londres e que já está com a versão de produção praticamente pronta para chegar ao mercado.

icon photo
Legenda: jaguar-i-pace-concept-front-interior-173
Crédito: jaguar-i-pace-concept-front-interior-173

Apresentado em março passado no Salão de Genebra, na Suíça, o I-Pace tem porte parecido com o do F-Pace e, no conceito, conta com tração integral, com um motor instalado em cada eixo, totalizando 400 cv de potência. A Jaguar anuncia uma autonomia de cerca de 500 km com uma carga completa das baterias, mais que suficiente para ir da cidade de São Paulo ao Rio de Janeiro e a par com as versões de topo de concorrentes como Tesla Model X.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors