Alfa Romeo 147

Esportivo como poucos


  1. Home
  2. Testes
  3. Alfa Romeo 147
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon















ITENS TESTADOS 































































  GOSTOU?


Alfa
Romeo usada
compare
todas as versões 
 


 
 
 












Com avançado motor 2.0
16V Twin Spark de 148 cv de potência e revolucionário
câmbio seqüencial Selespeed, derivado
da Fórmula 1, com comandos no volante,
novo Alfa Romeo 147 proporciona emoções
típicas de um ‘puro-sangue’.


O teste com o novo Alfa Romeo 147 foi tão
curto quanto duas voltas num circuito de Fórmula-1.
Mas as emoções nesses inesquecíveis
16 quilômetros, em estrada asfaltada e sinuosa
como uma serpente, na região de Ribeirão
Pires, interior de São Paulo, foram como
uma verdadeira dose de um GP inteiro.


Exageros à parte, deixemos a emoção
no mesmo nível de pobres-motoristas-mortais:
modelo atinge ‘só’ 205 km/h de
velocidade máxima e acelera de 0 a 100
km/h em 9,7 segundos. Nada de assustar, se comparado
a outros modelos de alta potência, mas,
no caso, com uma dose extra de emoção
com o eficiente e divertidíssimo câmbio
Selespeed sequencial, o mesmo sistema utilizado
pela Ferrari na Fórmula 1. Com esse sistema,
além de poder trocar as marchas de forma
tradicional, através de alavanca no assoalho,
o motorista-piloto pode imitar o Schumacher ou
o Barrichello, trocando as marchas através
de duas aletas atrás do volante da direção:
a da direita para acelerar e a da esquerda para
reduzir.



























 























FEITO PARA PILOTAR



Bancos, painel, controle de tração e câmbio
dão toque esportivo

Sentar ao volante do 147 é quase como sentar-se
ao volante de um carro de rali. Só que com muito
mais conforto. Os bancos, em couro, é claro,
são macios sem serem moles e firmes sem serem
duros. O volante da direção tem o diâmetro
ideal para manobras firmes e diretas e o painel é
elaborado para favorecer a funcionalidade de manuseio.


Mas é acelerando que a paixão pega. Primeiro,
no estômago. O carro nem é tão potente
assim, mas acelera muito rápido, com aquele típico
barulho de motor esportivo, e, aí sim, com um
insuperável ‘toque’ de competição
a cada nova troca de marcha. O câmbio responde
muito rápido nas acelerações, mas
é nas reduzidas que o sangue ferve. Com o motor
girando próximo às máximas rotações,
essa ‘Ferrarizinha’, digo, Alfinha, berra
de contente, demonstrando que é próxima
dos limites de aceleração e aderência
que ela se sente mais à vontade.


voltar





















ESTABILIDADE
DE ESPORTIVO




Sistema de controle de tração corrige
eventuais erros de pilotagem


A suspensão do Alfa 147 segue a vocação
esportiva do motor e do câmbio Selespeed. Totalmente
independente nas quatro rodas, o conjunto é basicamente
o mesmo sistema que equipa o Alfa 156. Ele mantém
as soluções tecnológicas aprovadas
nas categorias Superprodução italiana
e Superturismo européia, onde respectivamente,
o 147 e o 156 conquistaram os títulos do ano
passado.


Composto por um quadrilátero alto à frente
e um sistema McPherson atrás, a suspensão
garante um excelente desempenho e elevado nível
de conforto. O resultado é uma excelente estabilidade
lateral, curvas mais rápidas e precisão
nas respostas aos comandos da direção,
que tem relação direta.


Para garantir maior controle do veículo em movimento,
o Alfa 147 traz o exclusivo Vehicle Dinamic Control
(VDC), uma central eletrônica que monitora os
sistemas eletrônicos vinculados ao motor e aos
freios. Essa central monitora os sistemas antitravamento
de freios (ABS), de distribuição de força
de frenagem (EBD), de controle de tração
(ASR) e o sistema de controle de torque nas rodas (MSR).
Ele corrige eventuais excessos ou falhas do motorista
ao dirigir, garantindo a estabilidade e a segurança
do automóvel. Sua intervenção acontece
apenas em situações extremas, quando o
veículo se aproxima perigosamente dos limites
da aderência, seja em condução esportiva
ou no dia a dia, em condições adversas,
como dias chuvosos.


voltar





















VISUAL MARCANTE

Carroceria é tipicamente hatchback,
mas estilo lembra mais um cupê




Concebido no Centro de Estilo da Alfa Romeo em Milão,
na Itália, o Alfa 147, apesar de possuir carroceria
na configuração hatchback e quatro portas,
ele adota recursos estilísticos que fazem lembrar
um verdadeiro cupê.


As linhas do capô, inspiradas no Grand Coupé
6C 2500 Villa d´Este, modelo lançado pela
marca em 1949, formam dois vincos em “V”,
que avançam da base do pára-brisa até
a frente do carro. Lá, elas praticamente se encontram
e circundam a grade dianteira. A partir daí descrevem
um raio e se dirigem para as laterais, formando o mesmo
elemento estético presente no modelo 6C 2.500.
Juntos com o logotipo, esses três elementos formam
o “tríptico da Serpente”, símbolo
da Casa Alfa Romeo.


O conjunto ótico do Alfa 147 combina dois estilos
diferentes, misturando faróis redondos com refletores
retangulares, nos quais ficam embutidos os faróis
de neblina. Dotados de lentes transparentes e curvas,
eles invadem as laterais dos pára-lamas e conferem
um toque bastante expressivo à frente do modelo.
Os faróis são recortados por pára-choques
amplos e envolventes, que também incorporam as
grades.


A linha de cintura - que se eleva em direção
à traseira - e a capota curva esboçam
uma forma de cunha, conferindo um aspecto mais dinâmico
ao estilo. Nas laterais, um dos destaques são
as maçanetas dianteiras em alumínio, que
dão um toque retrô ao modelo. Já
a maçaneta traseira, embutida na moldura da janela,
reforça o apelo esportivo e sugere o estilo de
um cupê. Com vidro curvo e lanternas ovaladas,
a traseira curta dá sensação de
agilidade, enquanto a base do vidro em forma de “V”
segue as linhas do capô.


voltar






















ERGONOMIA E REQUINTE

Interior privilegia o prazer ao dirigir




Atraente por fora, requintado por dentro. Essas qualidades
do Alfa 147 o tornam elegante, ergonômico e requintando,
com alta qualidade dos materiais e esmero no acabamento.
Bancos, volante, pedais, alavanca de câmbio e
comandos foram cuidadosamente concebidos para oferecer
o máximo de funcionalidade, conforto, controle
do veículo e, principalmente, prazer ao dirigir.


O quadro de instrumentos segue as linhas esportivas
da carroceria e é dotado de três grandes
marcadores redondos sobrepostos, circundados por aros
cromados. Neles ficam alojados o conta-giros e o velocímetro,
todos analógicos, como manda a tradição
da marca. A iluminação dos mostradores
é feita com uma luz vermelha translúcida
para garantir melhor visualização em túneis
e à noite. Com desenho anatômico e eficiente
empunhadura, o volante possui três raios, com
um semicírculo livre, para facilitar a leitura
dos marcadores. Nos raios laterais ficam alojados os
comandos de controle do som.


A sofisticação do Alfa 147 está
presente em detalhes como a aplicação
em alumínio no console central, alavanca de câmbio,
comandos do volante, fecho do porta-luvas e trincos
internos das portas. Esses detalhes de requinte convivem
com itens de conforto e esportividade, como o sofisticado
sistema de ar-condicionado com controle automático
de temperatura, além do câmbio seqüencial
Selespeed com comandos de trocas de marchas no volante.



voltar




















ESPORTIVIDADE
E CONFORTO


Qualidade de vida a bordo é prioridade
do modelo




Além do requinte, o Alfa 147 traz itens que garantem
o máximo de qualidade de vida a bordo. É
o caso dos limpadores de pára-brisa com sensor
de chuva, d

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors