Venezuela convida fabricantes a conviver com o socialismo

Ministro fez um pedido aos empresários sobre as necessidades sociais
  1. Home
  2. Bolso
  3. Venezuela convida fabricantes a conviver com o socialismo
Auto Informe
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O governo da Venezuela iniciou uma série de reuniões com os vários setores da indústria automobilística para conversar sobre a produção e montagem de veículos no país, conforme a agência Flash de Motor.

Ricardo Menéndez, vice-presidente para a Economia Produtiva e Ministro da Ciência, Tecnologia e Indústria, disse aos empresários que o Estado venezuelano decidiu assumir o seu caráter socialista e, portanto, vai exercer o seu papel de planificação da economia para satisfazer e dar prioridade a necessidades sociais.

O ministro convidou os empresários a aceitarem e se adaptarem a essa nova realidade. Explicou que sempre que o setor privado se submeter à Constituição, poderá conviver com o projeto socialista em marcha.

O governo criticou os altos preços dos carros e exigiu que as montadoras cumpram com as metas de instalação de sistemas de gás natural e de aumento do índice de nacionalização dos carros fabricados na Venezuela, conforme estabelece a legislação.

Ricardo Menéndez fez um pedido aos empresários sobre as necessidades sociais, chamando atenção para a planificação do transporte público, produção de veículos utilitários, de uso social, como ambulâncias, viaturas policiais e caminhões. Veja, ao lado, a classificação dos 200 carros mais vendidos no Brasil em janeiro.

Twitter


Pensando em trocar de carro? Confira a nova Busca WebMotors e descubra o modelo ideal para você.


Leia também:

Hyundai i30 puxa venda de hatchs médios

General Motors anuncia acordo para venda Spyker

Chevrolet Spark pode ser aposta da GM no Brasil

Cuca fresca: ar-condicionado se tornou quase obrigatório

Hyundai i30 puxa venda de hatchs médios

Revisão dos mais de 3 milhões de zero-quilômetro

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors