Com versão elétrica, Peugeot mostra novo 208

Peugeot 208 muda de geração, ganha diversas assistências ao condutor e percorre 340 km com baterias

  1. Home
  2. Notícias
  3. Com versão elétrica, Peugeot mostra novo 208
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Enquanto a Peugeot descontinua 308 e 408 no Brasil, a matriz europeia apresenta o remodelado 208. O nova geração do hatch apela para um visual esportivo, incorpora variadas tecnologias e, de quebra, uma versão 100% movida por baterias. Mas a primeira grande atração é o design. O carro assume a nova identidade da marca francesa, com destaque para os faróis dianteiros com as três garras do leão e as luzes diurnas de LED que "escorrem" pelo para-choque. Atrás, as lanternas interligadas por uma peça escurecida – assim como 3008 e 5008 – chamam atenção.

icon photo
Legenda: Peugeot E tem nova plataforma
Crédito: Divulgação

O 208 agora é feito sobre a plataforma Common Modular Platform (CMP), que reduz o peso do hatch em 30 kg em relação ao antecessor. Ela permite a maior novidade da linha: o e208. A variante totalmente elétrica tem o equivalente a 136 cv de potência e 20,5 kgf.m de torque. De acordo com a Peugeot e as regras europeias, a autonomia chega a 340 quilômetros. O modelo ecologicamente correto tem três modos de condução: Eco, Normal e Sport. Neste último, que privilegia a força, o e208 consegue chegar aos 100 km/h em 8,1 segundos. A bateria leva 11 horas para carregar em uma tomada comum ou chegar a um nível de 80% em 30 minutos se for uma fonte de alta capacidade.

O 208 ainda incorpora diversas tecnologias para ajudar o motorista na hora da condução: controle de cruzeiro adaptativo, estacionamento automático, frenagem automática de emergência, detecção de pedestres, faróis altos automáticos, leitura de placa de trânsitos, alerta de colisão frontal e  monitoramento de ponto cego.

 Peugeot E 208 teve o interior refinado
Legenda: Peugeot E 208 teve o interior refinado
Crédito: Divulgação

Quantos aos motores, o novo 208 terá o conhecido três cilindros 1.2 PureTech com diferentes potências: 75 cv, 110 cv e 130 cv. Uma variante diesel também está prevista para a Europa, com o quatro cilindros 1.5 HDI de 100 cv. A transmissão é manual de cinco marchas para a versão de entrada a gasolina e automática de seis para as demais. Já o 208 diesel será sempre mecânico com seis velocidades.

VÍDEO RELACIONADO

Dentro, aquilo que conhecemos nos 3008 e 5008 vendidos por aqui. O interior minimalista proporcionado pelo iCockpit tem poucos botões, cluster digital e a central multimídia, onde o tamanho da tela (5, 7 ou 10 polegadas) varia de acordo com a configuração. A moderna alavanca de câmbio também está lá.

Algumas informações dão conta que o Brasil vai ficar, por um bom tempo, vendo apenas imagens do novo 208. O carro deve chegar somente em dois anos e importado da Argentina onde será fabricado. A produção do atual em Porto Real (RJ) pode ser suspensa em 2021.

 Peugeot E 208 tem visual muito mais arrojado
Legenda: Peugeot E 208 tem visual muito mais arrojado
Crédito: Divulgação
Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors