Sustentabilidade no Salão de Frankfurt: carro elétrico é discussão latente

A questão ocupou o centro das atenções da indústria automobilística em todas as recentes exposições internacionais
  1. Home
  2. Tecnologia
  3. Sustentabilidade no Salão de Frankfurt: carro elétrico é discussão latente
Auto Informe
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- A mobilidade elétrica é tema de destaque no Salão de Frankfurt, que abre neste sábado ao público: a questão tem ocupado o centro das atenções da indústria automobilística em todas as recentes exposições internacionais.

Mas se por um lado se ampliam as propostas de mobilidade elétrica, com o aumento de consórcios entre fabricantes para o desenvolvimento de veículos de emissão zero, especialistas acreditam que nada vai se tornar viável para vendas em massa pelo menos nos próximos dez anos. Mas, como dez anos é um prazo pequeno quando se fala do futuro da mobilidade, o carro elétrico está na ordem do dia, mesmo ainda distante da nossa realidade.

Um estudo publicado pelo Instituto de Investigação Econômica de Colônia e o Banco Alemão para a Investigação Econômica, concluiu que o preço das baterias tem que cair 70% para que seja viável a produção do carro elétrico em série.

Hoje um carro elétrico na Alemanha custa entre US$ 45 mil e US$ 50 mil e mesmo com o desenvolvimento tecnológico e subsídios do governo, ele vai representar de 3% a 8,8% do mercado em 2020, diz o estudo, o que significa entre 90 mil a 240 mil unidades, de um total de três milhões de carros vendidos por ano no mercado alemão.

Ainda não decidiu que carro ou moto comprar? Teste a nova busca WebMotors e escolha o modelo ideal para você.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors