Quer café? A Street Cup é um convite irrecusável

Triumph amplia sua linha de clássicas no Brasil; novidade parte de R$ 41.990

  1. Home
  2. Motos
  3. Quer café? A Street Cup é um convite irrecusável
Karina Simões
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O nome vem dos clubes de corrida, a inspiração da safra street racer e a proposta, embora urbana, deixa um gostinho de esportividade na boca. Com a nova Street Cup, a Triumph amplia sua linha de clássicas no Brasil - que já contava com as  Street Twin, Thruxton R e com as Bonneville T120 e T120 Black.

Montada em Manaus, a Street Cup chega às concessionárias a partir da próxima segunda-feira (20) por R$ 41.990. Ela é irmã da Street Twin, mas vem pronta para ser customizada e, mesmo original, entrega uma dose extra de estilo.

No visual, a Street Cup destaca-se pela pintura em dois tons, rodas fundidas com faixas decorativas, para-brisa de corrida e assento tipo concha com capa monoposto removível inspirada no estilo café racer. É possível retirá-la e utilizar o assento do garupa, são apenas dois parafusos de fixação, mesmo assim, o acesso não é dos mais fáceis. Os espelhos retrovisores do tipo “end bar”, nas pontas do guidão, complementam o estilo e oferecem boa visualização.

icon photo
Legenda: Triumph Street Cup
Crédito: Triumph Street Cup

Comparada à Street Twin, a diferença mais evidente é a posição de guiar. O guidão rebaixado, no estilo “ace”, obriga o piloto a curvar-se mais para frente. É uma posição menos confortável que a da Twin – e que não chega a ser desconfortável – mas na Cup é o estilo que fala mais alto. A altura do assento (780 mm) é ótima para pilotos que “precisam” colocar os pés no chão para se sentirem seguros.

icon photo
Legenda: Triumph Street Cup
Crédito: Triumph Street Cup

No mais, os escapamentos são mais mais curtos, têm a parte central com cobertura em preto e ponteira em aço inoxidável, e o painel de instrumentos possui conta-giros analógico – há duas pequenas telas digitais, nas quais estão informações como marcha engatada, nível de combustível, relógio, ajustes do controle de tração, consumo e autonomia. Falando nisso, com o tanque cheio (12 litros) o piloto roda aproximada de 320 quilômetros e o consumo estimado é de 26,7 km/l.

icon photo
Legenda: Triumph Street Cup
Crédito: Triumph Street Cup

O motor bicilíndrico de 856 cm³ refrigerado a líquido é o mesmo da nova Street Twin, gera 55 cv a 5.900 rpm. O torque é um dos principais atributos deste motor, são 8,16 kgf.m que aparecem a 3.200 rpm. Mesmo quando estamos em quarta marcha e vamos reduzindo a velocidade, sentimos o motor ressuscitar com um simples giro na manopla do acelerador eletrônico, sem necessidade de redução de marcha. A embreagem é deslizante e o câmbio de cinco velocidades.Como na Twin, uma sexta marcha cairia bem ao modelo.

Herdada de sua irmã, a boa ciclística é um ponto alto. No chassi, o ângulo de cáster foi reduzido de 25,1° para 24,3°, e isso deixou as mudanças de direção mais rápidas. As suspensões absorvem bem os impactos. A "suspa" traseira, embora mantenha os mesmos 120 mm de curso, está mais longa e isso deixou a traseira elevada, aumentando também o ângulo de inclinação dianteiro.

icon photo
Legenda: Triumph Street Cup
Crédito: Triumph Street Cup

O cuidado no acabamento está nos detalhes: no corpo do acelerador com acabamento em alumínio, na tubulação com “catalisador oculto”, nos cabeçotes escovados, e nos protetores de garfo esportivos. De série, ela vem com freios ABS com duas pinças Nissin deslizantes axiais de dois pistões e disco flutuante de 310 mm, além de pneus Pirelli Phantom Sportscomp, especialmente desenvolvidos para a família Bonneville.

Segundo a Triumph, esta é uma moto para ser customizada, por isso a marca vende acessórios não só de estilo e conforto, mas também de desempenho, como a suspensão traseira Piggy Back da Fox totalmente ajustável (R$ 3.790) e os silenciadores de encaixe Vance & Hines (R$ 7.490). Ficou caro? A marca oferece mais de 120 produtos para todos os bolsos, mas para não pesar tanto no bolso, compensa com um intervalo de manutenção estendido de 16.000 km

 Triumph Street Cup
Legenda: Triumph Street Cup
Crédito: Triumph Street Cup

A Street Cup é oferecida nas cores Racing Yellow/Silver Ice (com revestimento interno em preto aplicado à mão e riscas Racing Yellow nas rodas) e Jet Black/Silver Ice (com revestimento interno dourado aplicado à mão e riscas douradas nas rodas).

Tanto nos "retões", como nas estradas sinuosas, a Street Cup pode ser viciante como um bom café. Dizem mesmo que a cafeína, quando cai na corrente sanguínea, proporciona sensação de bem-estar, diminui a fadiga e deixa a gente em estado de alerta. Vai recusar uma dose?

Anuncie sua moto grátis na Webmotors

Ficha técnica

Motor: Arrefecido a líquido, 8 válvulas, duplo paralelo com virabrequim de 270°

Cilindrada: 900 cc

Potência: 55 cv @ 5.900 rpm

Torque: 8,18 kgf.m

Transmissão: 5 marchas, embreagem de discos múltiplos banhada a óleo

Quadro: berço de aço tubular

Rodas e pneus (D/T): Liga de alumínio fundido, 10 raios, 100/90 R18 / 150/70 R17

Suspensão dianteira: Garfo Kayaba 41 m, curso de 120 mm

Suspensão traseira: Twin shock Kayaba com ajuste de pré-carga, curso de 120 mm

Freios: Disco com pinça flutuante Nissin de 2 pistões, ABS

Dimensões (C x L x A): 2.090 mm x 740 mm x 1.105 mm

Altura do assento: 780 mm

Distância entre-eixos: 1.435 mm

Peso seco: 200 kg 

 

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors