Renault Kwid tem terceiro recall após lançamento

Fabricante convoca proprietários de 1.918 unidades do hatch por falha na solda do berço do motor

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Renault Kwid tem terceiro recall após lançamento
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Nas concessionárias desde agosto do ano passado, o Kwid tem o segundo recall desde o lançamento. Agora, a Renault convoca os proprietários de 1.918 unidades do hatch subcompacto, que já podem agendar em uma concessionária a verificação do berço do motor - que será substituído, caso seja necessário.

De acordo com a fabricante, a solda do berço do motor pode se romper, com perda de dirigibilidade e risco de acidentes. A montadora afirma que o defeito está relacionado  a "uma não conformidade de execução por fornecedor da Renault".

icon photo
Legenda: Renault Kwid Zen
Crédito: Renault Kwid Zen

O recall afeta veículos fabricados entre 9 e 16 de setembro de 2017, com chassis não sequenciais de JJ003408 a JJ998344. Em novembro, quase todas as unidades do Kwid fabricadas até então foram alvo de dois recalls, ainda ativos - um por conta de possíveis trincas nos freios e outro referente a risco de vazamento de combustível.

A Renault informa que o serviço relacionado ao berço do motor tem duração prevista de até três horas e 30 minutos. Para mais informações e verificação do chassi, a marca disponibiliza o telefone 0800-0555-615 e o site www.renault.com.br/servicos/recall.

Com cinco meses de mercado, o Kwid fechou 2017 como o 31º carro mais vendido, com 22.576 unidades emplacadas, de acordo com a Fenabrave, a fcaptionação das concessionárias.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors